Applet do Java será mantido temporariamente na versão 1.16 do PJe

Em ofício encaminhado à Ordem dos Advogados do Brasil, em Sergipe, o Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região informa que, embora a versão 1.16 do PJe tenha sido estruturada para trabalhar primordialmente com o assinador Shodô, a presidência do TRT20 decidiu, por segurança, manter temporariamente o acesso ao PJe através do Java Applet, tendo em vista que alguns tokens não se mostraram compatíveis com a tecnologia do Shodô.

Assim, a implantação da nova versão do PJE, prevista para esta segunda-feira, 13, conservará a mesma estrutura utilizada atualmente, a fim de que o usuário possa optar a forma de realizar a assinatura digital (Java Applet ou Shodô). A OAB/SE alerta que em virtude da atualização do sistema, o PJe estará indisponível neste sábado, 11, e domingo, 12.

Fonte: TRT20

COMPARTILHAR